Nota de Informação e esclarecimento


por ADMINISTRADOR, 23/08/2018-13:03:54


O combate a fraudes licitatórias na gestão da água entre 2013 e 2014 levou a Polícia Civil, por meio da Deat/Deic, a deflagrar a Operação Monet, na manhã desta quinta-feira, dia 23.

Foram envolvidos cerca de 80 policiais civis para cumprir 15 mandados de busca e apreensão na Autarquia Água de Ivoti, na Prefeitura, em residências e empresas localizadas em Ivoti, Canoas, São Leopoldo, Novo Hamburgo, Bom Princípio, Tupandi e Presidente Lucena.

"Vamos manter foco no trabalho e deixar a Polícia fazer seu trabalho", destacou o prefeito Martin Cesar Kalkmann. O vice-prefeito Roberto Schneider foi vereador, tendo sido presidente e relator da CPI que apurou a necessidade de investigação da gestão da água, na época. O diretor atual da Autarquia, Adriano Graeff, corrobora com o pensamento do prefeito de que é necessário manter o foco no trabalho. "E estamos disponibilizando todas as informações para contribuir com o trabalho da investigação policial", falou.